fbpx
voltar para site
Por que ter um Manual de Boas Práticas para restaurantes?
Fechar
Por que ter um Manual de Boas Práticas para restaurantes?

A elaboração de um Manual de Boas Práticas para restaurantes pode trazer diversos benefícios para o seu estabelecimento. Entre eles, a satisfação dos clientes com qualidade e padrão na higiene e redução de desperdício.

Além disso, o MBP é obrigatório e exigido pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para o funcionamento do local. Por isso o Manual de Boas Práticas não é apenas benéfico, mas essencial para o seu restaurante, ajudando na adequação às leis sanitárias.

Mas afinal, o que é um Manual de Boas Práticas para restaurantes?

É um documento que contém os procedimentos que devem ser adotados por serviços de alimentação, visando garantir a qualidade sanitária do local e a manipulação correta dos alimentos, segundo a legislação. Dessa forma, o documento serve como guia para os colaboradores para diversos serviços realizados no restaurante, desde a estocagem até a limpeza correta dos itens da cozinha.

O guia dos seus colaboradores

Por ser um documento tão rico em detalhes, essa é uma ferramenta muito importante para treinar e orientar os colaboradores, padronizando as práticas no ambiente de trabalho. E o mais importante, essa prática cria nos funcionários uma cultura de cuidados com a higiene e maior atenção aos serviços realizados. Além disso, caso tenha alguém novo na cozinha, ele conseguirá entender mais rapidamente qual é a dinâmica do trabalho. Como o Manual de Boas Práticas contempla todas as etapas do serviço, é mais fácil fiscalizar o passo a passo da cozinha.

Uma questão legislativa

Segundo a Resolução RDC nº 216, o Manual de Boas Práticas e o POPs (Procedimentos Operacionais Padronizados) são exigidos pela Vigilância Sanitária para atestar a qualidade dos serviços. Não há um manual padrão, portanto, cada restaurante deve elaborar o seu, de uma forma que o documento se adapte a rotina do estabelecimento. Mesmo sendo um item “personalizado”, o MBP precisa certificar que o restaurante mantém a qualidade e higiene do local e dos alimentos fornecidos.

Agilizando o cotidiano com o Manual de Boas Práticas

Quando se tem um guia estabelecido, fica muito mais fácil manter os padrões e ensinar as pessoas. Por esse motivo, o Manual de Boas Práticas para restaurantes é um grande aliado na hora de realizar treinamentos com sua equipe, tanto para novos funcionários quanto para os cursos de “reciclagem”. Dessa forma você otimiza as tarefas do dia a dia e facilita o recrutamento em diversos setores do seu restaurante.

Mudanças são necessárias

Ao redigir o seu Manual de Boas Práticas, você provavelmente notará irregularidades na cozinha, isso é normal ao se avaliar o trabalho realizado. Depois de um tempo pode ser necessário alterar o MBP, pois a dinâmica do restaurante pode mudar e se modernizar. Mesmo quando o manual é alterado, ele deve certificar a qualidade e higiene dos serviços e produtos. Apesar de não ter um molde exato, elaborar esse documento pode ser complicado para os administradores de primeira viagem. Por isso nós indicamos que você busque uma Consultoria especializada e experiente.

Se você precisa de ajuda para montar o seu restaurante ou melhorar a gestão, a C’est Prêt pode te auxiliar. Oferecemos diversos serviços de consultoria para você ter tranquilidade na hora de abrir o estabelecimento, treinar os funcionários e gerir o dia a dia da casa. Entre em contato conosco para encontrarmos juntos as melhores soluções. Mande uma mensagem para (11) 9 9823 2221.

Facebook Twitter Google Plus Pinterest E-mail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

C'est Pret

+55 11 9 9823 2221
Ama comer e beber? Escreva seu email e assine para receber a Newsletter da C’est Prêt.
© Copyright 2018 - C’est Prêt. Todos os direitos reservados. Site by Miss Lily

C'est Pret

Assessoria para Restaurante

Rachel Carvalhaes

Serviços